Papos sobre literatura, séries, cinema e mais.

domingo, 18 de janeiro de 2015

Teorias Literárias: Jon Snow

As Crônicas de Gelo e Fogo está repleta de reviravoltas e conspirações pra lá de mirabolantes, continuando as nossas Teorias Literárias desse domingo, chegamos a que talvez seja a mais aceita teoria. Provavelmente uma das que fechará a história. Quem são os pais de Jon Snow? [Big Spoiler!]

Todos conhecem o bastardo de Ned Stark (talvez o único homem realmente honrado em todo a história ), o fruto de anos de guerra afastado do calor de sua esposa em uma dia frio e escuro. Porém muito pouco se sabe da mãe de Jon Snow, assunto que deixava Ned irritado e até nervoso mesmo quando tocado pelo seu melhor amigo Rei Robert. Contudo isso talvez, não seja um mistério afinal de contas e recentemente os fãs dessa teoria receberam praticamente um atestado de confirmação. 
Primeiro vamos apresentar a teoria que já vem sendo discutida a quase uma década pelos Observadores.

Vamos juntar as peças, fatos e "provas" que apontam a verdadeira descendência de Snow.


Eddard Stark (Ned para os amigos) e Robert Baratheon entraram em guerra com a dinastia Targaryen quando o príncipe Rhaegar Targaryen raptou Lyanna Stark, irmã de Ned e que estava prometida a Robert. No auge da guerra Robert matava Rhaegar no Tridente (depois procurem algumas imagens de Robert jovem e vão vê que até o Cão De Caça perderia feio), enquanto Ned se dirigia com alguns pouco companheiros à torre onde Lyanna estaria como prisioneira, chegando lá encontra-a numa “cama de sangue”, sem forças e à beira da morte. As suas últimas palavras foram “promete-me, Ned”. Durante o Livro I encontramos varias passagens em que Ned remói essa palavras, mas que nunca revelam exatamente o que ele prometeu.

Ora, que os Outros me levem! Tudo isto já é bastante suspeito. Pra começar não podemos afirmam que Rhaegar tivesse raptado Lyanna criminosamente. Poderíamos por exemplo supor que Rhaegar amava Lyanna, e que esse amor podia ser até recíproco. Por isso, a “cama de sangue” muitas vezes referida poderá não indicar que ela tivesse sido morta ou ferida pelo príncipe, mas que tivesse dado à luz o seu filho, que Ned mais tarde acolheria como seu e chamaria Jon e lhe daria o sobrenome de Snow como todos os filhos bastardo do Norte são chamados. Esta teoria tornou-se tão famosa que os fãs passaram a chamá-la de R+L=J (Rhaegar + Lyanna = Jon).

Vamos as evidências que sustentam esta teoria.

1. Daenerys tem uma visão da flor favorita de Lyanna a desabrochar num muro de gelo (Jon na Muralha).
2. Ned diz que viveu uma mentira durante 14 anos (a mesma idade de Jon no início da história).
3. Ned sempre considerou Jon como "é meu sangue", em vez de "é meu filho".
4. É sabido que o quarto onde Lyanna se encontrava estava guardado pela Guarda Real, que teria estado ali para proteger sangue real, aludindo ao filho de Rhaegar. E isso poderá fazer com que Jon seja o verdadeiro herdeiro do Trono de Ferro (é ou não é uma chibata de reviravolta?) .
5. O príncipe Rhaegar era obcecado pela profecia de um príncipe perfeito, o príncipe que salvaria e uniria os dois continentes, bem os Targaryen são descendente do antigo continente e os Stark dos primeiros homens no novo continente.

SE isso não for o bastante para converse os fãs, que tal darmos uma olhadinhas nas imagens da série?


Aqui temos uma cena da primeira temporada (S01E04 para se mais especifico, “Cripples, Bastards and Broken Things”) em que Jon e Sam estão conversando em Castel Black e, em um dos pilastras de madeira do refeitório, é possível ver as letras “R” e “L” entalhadas (quase que descaradamente).

Um frame depois a alusão a teoria ficas descarada mesmo, quase esfregando na cara dos fãs.



Gostaram da coluna Teorias Literárias desse domingo? Você concorda com as pistas? Qual sua opinião? Deixe seu comentário e seu ponto de vista sobre essa ou outra teoria que queira discutir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos sua visita. Confira outros posts sobre este assunto. Deixe aqui o seu comentário, crítica, sugestão. Curta o Um Fílosofo na Web no Facebook e siga no Twitter ou Instagram. Obrigado!

: PARCEIROS :

Grupo Editorial Autêntica

Editora Novo Conceito

Seguidores