Papos sobre literatura, séries, cinema e mais.

terça-feira, 7 de janeiro de 2014

7 de Janeiro - Dia do Leitor


Sim, isso mesmo. 7 de janeiro é considerado o Dia do Leitor. Não é de se estranhar que poucas pessoas saibam da data, afinal apenas 17% da população nacional é considerada leitora ativa (dados de 2012). Para muito ler é algo rotineiro, muito ainda acham o ato até penoso e talvez té visto como castigo ou punição. Mas esse são pobres ignorantes que nunca se perdera numa boa biblioteca, ou se refugiaram por algumas horas da chuva dentro de um livraria ou sebo.


Para os verdadeiros leitores o ato de ler é como ganhar um passaporte para uma terra distante, é estar de férias em qualquer lugar. Abrir um livro é um deslumbramento que cada página traz infinitas possibilidades dosadas com mistério, humor, aventura, terror, fantasia. Como leitor inveterado só posso falar de mim. Mas creio creio que meus semelhantes compartilhem da ideia de que ler é sem duvida um grande prazer.


Costumeiramente faço publicações sobre o mundo dos livros, então de hoje até o dia 10 minhas postagens serão exclusivamente para e sobre leitores. Vamos entender um pouco a mente e o comportamento dessa criatura de hábitos tão peculiares e gostos tão distintos, sim pois um leitor raramente é igual ao outro, pra começar são seres que tem um estilo próprio de ler, um gênero favorito, uma linguagem particular.

Próxima postagem MANIAS DE LEITOR

Obrigado e boa leitura.

4 comentários:

  1. Só mais uma observação meu caro. A leitura também nos dá ferramentas para crescermos como seres humanos e a capacidade de questionarmos o mundo que está a nossa volta. Claro, como você bem ressaltou, depende muito dor perfil do leitor e de seus gostos literários. Falo isso porque tendemos a catalogar o leitor apenas pela capacidade que a leitura traz de transportá-lo para outras realidade, o que aos olhos de alguns, parece que o mesmo é alienado e indiferente as realidades a sua volta. Tendendo a um mundo imaginário, longe da vida real.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu caro Raul, isso já tá implícito rsrsrs. Não ressaltei o valor crítico e intelectual da leitura para o leitor (que eu como estudante de Filosofia bem conheço) por saber também que nem todo leigo acha o leitor um individuo alienado.

      Excluir
  2. Tranquilo meu nobre colega. Sei bem que saber o valor critico e intelectual da leitura. Acho que minha exaltação fica por conta da má qualidade de algumas obras literárias (alguns best sellers entram na lista) e as pessoas que utiliza o livro apenas como um modismo para parecerem intelectuais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nisso compartilho da mesma opinião meu amigo. De fato o mercado literário costuma exaltar algum obra que vende milhares e as vezes até milhões de exemplares mas não passam de merda encapada. Para exemplo, os norte-americanos tem um mal gosto que salta a vista. Alguns títulos são simplesmente ridículos.

      Excluir

Agradecemos sua visita. Confira outros posts sobre este assunto. Deixe aqui o seu comentário, crítica, sugestão. Curta o Um Fílosofo na Web no Facebook e siga no Twitter ou Instagram. Obrigado!

: PARCEIROS :

Grupo Editorial Autêntica

Editora Novo Conceito

Seguidores